A todo momento, há histórias acontecendo. De amor, de amizade, de família, de união... Em qualquer espaço de tempo, uma história acontece de forma espontânea e emocionada. Essa liberdade de viver momentos com quem amamos é o que aquece o coração!

Captar esses pequenos grandes contos sobre a vida e o amor me encantou desde sempre e eu me tornei uma fotógrafa apaixonada por espontaneidade. Deixar fluir e ver uma história pra contar se desdobrar diante dos meus olhos é a minha paixão. Usando de uma direção discreta e respeitosa, faço com que a naturalidade brilhe em suas fotos, mostrando a real conexão que há entre os que se amam.

Um fio da meada que foi pego no espaço de algumas horas para contar histórias de uma vida inteira. Laços de carinho me unem aos meus fotografados, que se sentem cuidados. Essa sou eu e essa é a minha arte.

Ana Telma
moments & stories

portfolio

as minhas preferidas

Muito Prazer!

Eu sou a Ana Telma

Olá!

Eu sou a Ana Telma, fotógrafa de casamentos e famílias, e estou muito feliz que você está aqui no meu cantinho, procurando conhecer um pouco mais sobre mim e o meu trabalho. :) Espero que você goste!

Sou uma pessoa que ama seus amigos. Defendo todos com todas as minhas forças, se precisarem. Me preocupo e torço pela felicidade deles. Sou meio cabeça de melão para lembrar aniversários, telefones e outras coisas desse tipo, mas eles estão sempre nas minhas preces e, certamente, sempre no meu coração.

AMO gatos e sou mãe de dois gatinhos, o Bill e a Ivanka. Eles são os meus amores! ♥ (E também a causa de 1,5 toneladas de pelos pela casa e alguns pufes destruídos...)

Amo minha família, meu porto seguro, minha certeza de sempre amor e colo na minha vida. Tenho parentes no Rio, Minas, São Paulo e até fora do Brasil. Acho que é por isso que desde sempre adoro viajar!

Eu também amo estudar! Além de estudar muita fotografia, já fiz faculdade de Ciência da Computação e Jornalismo.

A fotografia, pra mim, é um treco mágico, sem explicação. Só quem tem essa paixão é que entende. Pra mim, não tem maior prazer no mundo do que saber que a sua arte vai ficar pra sempre como lembrança de um momento feliz de uma família. É meu modo de imortalidade. Mas espero também um dia escrever um livro. É um sonho, sabe? Mas não sei se alguém teria saco de ler meus devaneios...

E você? Leu até aqui? Então te conto quando sair o livro! ;)

O Blog

histórias para se encantar